Não, a terapia não é, e nunca foi para poucos, ainda mais se formos pensar no mundo que vivemos hoje, muitas vezes tudo se torna um desafio.

Ao pesquisar o significado da palavra terapia, chegamos a um conceito interessante:

 

“Meio ou método usado para tratar determinada doença ou estado patológico; tratamento; terapêutica”

Portanto, precisamos tratar nossos sentimentos, muitas vezes mal resolvidos, realmente como doenças que afetam nosso estado físico e principalmente mental. Precisamos entender que, a necessidade de um acompanhamento psicológico é regra básica de sobrevivência.

Existe ainda, uma dificuldade em aceitar que precisamos de ajuda, temos conosco uma imagem distorcida de nós mesmos, a autoimagem positiva de que tudo vai bem. O processo de aceitação nessa busca por entender o que está acontecendo, é uma estrada longa, mas que precisa ser percorrida.

 

Mas por que eu faço terapia ou por que eu preciso fazer terapia?
Tornar-se consciente de si próprio, rever ações e reações diante das situações, entender que às vezes, não conseguimos sozinhos, precisamos daquele despertar e aquele esforço adicional. 

Tal esforço adicional, pode estar naquele profissional da psicologia, apto a enxergar tudo de uma maneira diferente e redirecionar nossos sentimentos para lugares certos. 

Investimos em carros, investimos em casas, mas e investir em uma vida mais leve para curtir tudo que conquistamos? É essa a liberdade que nossa mente grita aqui dentro de nós e jamais equiparar a terapia como uma fraqueza ou vergonha, ela muitas vezes, salvam vidas.

Design sem nome 3 1

Terapia é para todo mundo, para todas as idades e nos faz entender que é normal, não se sentir bem, e é necessário buscar ajuda para que isso não se torne uma rotina cansativa emocionalmente. 

Fazer terapia também faz parte de uma vida saudável, e por que não, uma vida mais feliz? 

Autoconhecimento, inteligência emocional, melhora nos relacionamentos, dentre outros benefícios de começar a entender que sua saúde mental é importante. E poder dizer de peito aberto, SIM, EU FAÇO TERAPIA!

Mas por onde eu posso começar?

O papel do psicólogo é utilizar da psicologia, rodeada de estudos e pesquisa, conduzir uma pessoa a entender o mundo a sua volta e, a escolha desse profissional é importante tarefa para que se tenha o máximo de aproveitamento do acompanhamento terapêutico. Escolha pessoas de confiança, quem você sente segurança em dividir os males da vida, procure por recomendações de quem você conhece e faça aquela busca especial pela internet.
Hoje com a facilidade da tecnologia, um profissional pode estar mais perto de você do que imagina e, marca a sua primeira sessão de terapia, pode estar a um clique de distância.

 

Plataformas como a AmpliaMente podem te ajudar a se conectar com  psicólogos habilitados, de diversas abordagens terapêuticas e preocupados com sua saúde mental.

Saiba mais em nosso site e conheça a nossa plataforma: www.ampliamente.com.br 

 

Compartilhar: